Resultados: 'detransp'

DETRAN SP Reclamações

Detran Reclamações

É algo praticamente obrigatório todo o órgão público ter uma
ouvidoria, que é um departamento especializado em ouvir reclamações e oferecer soluções a estas reclamações. É o caso do DETRAN em todo o Brasil que tem o seu setor de reclamações, a ouvidoria.

detran sp reclamacoes DETRAN SP Reclamações

O
DETRAN SP não fica longe disso e tem inclusive no site do DETRAN SP (ver em www.detran.sp.gov.br) o canal Fale com o DETRAN SP que aparece na página inferior da página em “Fale com o DETRAN” e são apresentados vários canais sobre as principais questões de dúvidas e reclamações: Carteira Nacional de Habilitação (CNH), Veículos, Multas/Infrações e Outros assuntos. Também há outros canais para fazer sua reclamação no DETRAN SP como o Disque DETRAN através de telefones de atendimento que são: o telefone na capital e municípios (11) 322-3333; no interior 0300-101-3333; sendo que o horário de atendimento deste canal é o de segunda a sexta das 7h às 20h; e aos sábados, das 6h30 às 15h. Para segurança dos usuários ao entrar em contato por telefone para reclamação o atendente não acessa seus dados confidenciais sobre veículo e habilitação constante nos sistemas do DETRAN SP. Veja também: Telefone do Detran SP.

Outro canal de reclamação do DETRAN SP é a Ouvidoria este canal de atendimento é de uso exclusivo ao cidadão que deseja denunciar qualquer irregularidade, bem como as práticas negligentes, abuso de funções e cargos, corrupção, improbidade administrativa. Este é o canal para o cidadão se manifestar, mas também pode usar o canal para elogiar ou usualmente que é usado mais para reclamar. No link da ouvidoria que está no final da página DETRAN SP deverá o usuário que deseja reclamar preencher um formulário com seus dados pessoais como nome, CPF, E-mail, telefone, assunto, comentário em forma de texto sobre reclamação ou elogio e colocar continuar.

É possível ainda pesquisar na web uma série de reclamações do Detran feitas por usuários do DETRAN SP como no site Reclame Aqui conhecido por ser espaço de reclamação tanto de empresas e de órgãos como é o caso do DETRAN e da reclamação feita por um usuário que diz ter passado por todos os processos referentes para tirar a primeira habilitação para dirigir, mas no seu cadastro no DETRAN aparece como pendente a fase de prova teórica, assim como a prova prática. Mas, o DETRAN respondeu que está passando por uma formulação interna e por isso o sistema não apresentou de maneira correta suas informações. Por isso, se tem alguma reclamação do Detran não se acanhe e faça sua reclamação nos canais acima mencionados.

Postado em AtendimentoComente

Autorização para Conduzir Ciclomotor – Emissão

Emissão de Autorização para conduzir ciclomotor no Detran

Você é proprietário de um
veículo ciclomotor? O condutores e proprietários deste tipo de veículo precisam de uma autorização específica saiba do que se trata e como ter esta autorização para condutor ciclomotor.
autorizacao para conduzir ciclomotor Autorização para Conduzir Ciclomotor   Emissão

Os
proprietários de ciclomotores abaixo de 50 cilindradas precisam de uma autorização para conduzir ciclomotores e esta autorização é expedida pelo DETRAN em todo o Brasil e, de acordo com a legislação de trânsito, o condutor habilitado com CNH na categoria A também está apto a dirigir veículos classificados como ciclomotores.  Este tipo de autorização é mais comum nas cidades interioranas onde é mais comum este tipo de veículos.

O procedimento para pedir este tipo de autorização para conduzir ciclomotor é semelhante para quem quer pedir a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e tem os mesmos requisitos como: ter 18 anos, saber ler e escrever, possuir documento de identidade e CPF, realizar aulas teóricas no Centro de Formação de condutores (CFC) do DETRAN, além de passar por exames físicos, psicológicos e práticos. Depois de fazer todos os procedimentos será anotada na carteira de motorista a inscrição ACC que terá validade em todo território nacional. Assim como para obter carteira nacional de habilitação o condutor de ciclomotores vai precisar também passar por exame escrito e exame de direção veicular Deve ainda passar por um curso de 45 horas/curso teórico/técnico e depois de passar por este curso passa por exames citados acima. Esta autorização tem validade de cinco anos de validade.

Quanto às taxas e a documentação requerida para a ACC são as mesmas para a permissão a diferença é que o candidato para a categoria A em relação à permissão ACC é o tipo de veículo que eles usam para fazer o teste prático no DETRAN. A vantagem de quem tem carteira na categoria A pode conduzir veículo tanto moto como ciclomotor, mas quem tem autorização para dirigir ciclomotor, não tem autorização para dirigir motos ou triciclo.

A documentação exigida é a mesma que uma permissão para dirigir e o condutor que queira ter esta permissão ou pode optar por tirar carteira na categoria A ou apenas a autorização para dirigir ciclomotor. É mais vantajoso tirar carteira categoria A e poder dirigir tanto ciclomotor como motos e triciclos. Quanto ao valor das taxas é a mesma da permissão para dirigir e variam valores de acordo com cada Estado. Por isso, na dúvida quanto a taxas e condutas para tirar esta autorização, consulte o DETRAN mais próximo.

Postado em AtendimentoComente

Rodízio SP – Horário, Placas, Multas

Dias e Horários de Rodízio de veículos em São Paulo

Você tem dúvidas sobre o
Rodízio em São Paulo? Saiba mais sobre o Rodízio que acontece na cidade de São Paulo nos dias de semana.

rodizio sp Rodízio SP   Horário, Placas, Multas

O
rodízio de SP é uma particularidade da vida do paulistano que tem um dia na semana que tem restrição de circulação de veículo em horários específicos e em um dia da semana. Quem é tomado circulando em dia e horário de rodízio leva uma multa e ainda tem 4 pontos n carteira, por isso é importante ficar atento ao dia e horário de restrição de seu veículo. Quanto a esta ideia básica de como funciona o rodízio não há dúvidas.

No caso do rodízio não há nenhum tipo de tolerância de tempo que muitas vezes pode ser instituído, então se der a hora do seu rodízio, não tem nenhum limite de tolerância para o rodízio entrar em vigor. Os agentes de trânsito da Companhia Estadual de Trânsito (CET) estão geralmente pontualmente no momento do rodízio e não perdoam quem esteja no horário de pico circulando e que seu carro estiver no dia restrito a esta circulação.

Outra verdade que as pessoas não sabem é que se, por exemplo, na parte da manhã quando tem um horário proibido a circulação e você foi pego e multado, você pode pensar quem pode ficar tranquilo e circular no horário do final do dia e não será multado. Errado, você pode ser pego novamente pelos agentes de transito e multado novamente. Segundo a CET, no exemplo acima, o condutor pode receber até duas multas por rodízio (se pela manhã no horário das 7h às 10h e no final do dia das 17h às 20h).

Vamos novamente a esclarecimentos clássicos sobre o rodízio na cidade de São Paulo de acordo com final da Placa do carro: placas finais 1 e 2 o rodízio é na segunda-feira; placas final 3 e 4, o rodízio é na terça; placas finais 5 e 6, o rodízio é de dia de quarta; placas final 7 e 8, o rodízio é na quinta; e placa final 9 e 0, o rodízio é na sexta e nos horários acima.

Tendo dúvidas consulte o site da CET. Saiba que o rodízio em SP sofreu algumas mudanças como ampliação das ruas abrangidas pelo rodízio na cidade de São Paulo que serão mais 400 vias que serão incluídas no rodízio. Saiba mais acessando: Rodízio SP Ampliado.

Tabela de Dias do Rodízio SP

tabela de rodizio sp dias Rodízio SP   Horário, Placas, Multas

Postado em MultasComente

Como descobrir placa clonada – Consulta

Placa Clonada Como Descobrir

Nas grandes cidades estamos arriscado a sermos assaltados ou até mesmo ter a
placa do nosso carro clonada. Descobrimos inclusive com muito tempo de isso ter ocorrido que sofremos com a clonagem da placa, quando, por exemplo, chega uma multa. Antes que isso aconteça saiba como descobrir se sua placa foi clonada.  

descobrir placa clonada Como descobrir placa clonada   Consulta

Existe um aplicativo que permite saber se veículo foi
roubado ou clonado. Desta forma, dá para saber se o carro foi clonado. O aplicativo se chama CheckPlaca e podem ser baixado e acessado em smartphone, tablets e computadores e tem sido usado até mesmo por policiais em serviço quando suspeitam de algum veículo e digitam no aplicativo a placa do mesmo e o mesmo informa se o veículo tem alguma queixa de roubo. Por isso, também pode ser caso do seu veículo, digitando a placa do seu e vendo se há alguma irregularidade. 

No caso de sua placa ter sido clonada e ter recebido multa, o procedimento é o mesmo de recurso de multa, mas no caso deve-se comunicar ao órgão que emitiu a multa que a placa foi clonada e. Outro detalhe é que nas autuações geralmente acompanha foto do veículo que você poderá defender no recurso explicando a diferença entre o carro mostrado nas imagens e o seu carro. De preferência anexe ao seu recurso uma foto do seu veículo para dar credibilidade ao seu recurso. Também capriche no pronome de tratamento no seu recurso usando palavras como Ilustríssimo senhor Presidente da JARI do órgão que aplicou a multa, desta forma mostra que você tem respeito pela instituição e mantem a calma numa situação chata como esta.

Antes de entrar com este recurso junto a instituição que aplicou a multa é também abrir um boletim de ocorrência comunicando que a placa de seu veículo foi clonada. Este boletim de ocorrência deve ser mencionado em seu recurso e colocado uma cópia em anexo ao recurso. Antes de finalizar o documento do recurso escreva que deseja a anulação da autuação e pela revogação dos pontos da carteira de habilitação. Finalizando com nome cidade, data e assinatura. Estes papéis devem ser enviados via faz, correio ou correio eletrônico ao órgão responsável pela multa que na autuação deixa um contato para esclarecimentos que podem ser uma ou as três possibilidades citadas.

Há quem prefira ir pessoalmente à instituição responsável pela multa, o que pode ser mais tranquilizador e seguro o que garantirá que as coisas sejam resolvidas mais prontamente possíveis.

Postado em MultasComente

Novo Rodízio SP – Mapa, Avenidas

Rodízio SP Mapa de Avenidas

Quem mora em São Paulo capital conhece o famoso rodízio de veículos de São Paulo que é também chamado de Operação Horário de Pico da Companhia Estadual de Trânsito (CET) que é uma restrição de circulação de veículos automotores na cidade de São Paulo, confira a seguir mapa das avenidas do rodízio de SP.

novo rodizio sp Novo Rodízio SP   Mapa, Avenidas

Este sistema de
restrição de circulação de veículos teve como propósito melhorar as condições ambientais reduzindo a carga de poluentes na atmosfera e também melhorar o congestionamento nas principais vias e avenidas de SP no horário de pico. Hoje pode parecer bobagem, pois o congestionamento continua nos horários de pico, mas imaginem se não tivesse rodízio o quanto ficaria bem pior.  O congestionamento nos últimos anos aumentou principalmente pelo aumento significativo da frota nas ruas, principalmente com as facilidades de compra de veículos e muitos consumidores que antes não tinham carro hoje tem um.

O rodízio de veículos de SP atinge tanto particulares como veículos de empresas, com exceção daqueles que realizam funções essenciais como transporte urbano, escolar, atendimento médico, transporte de produtos perecíveis, pessoas portadoras de deficiência física, etc.

O rodízio de SP é definido pelo final da placa do veículo: por exemplo, veículos com placa final 1 e 2 a restrição de circulação é na segunda; placa final 3 e 4 a restrição é na terça; placa final 5 e 6, restrição na quarta; placa final 7 e 8, na quinta e placa final 9 e 0, restrição na sexta. Os motoristas flagrados dentro do horário de restrição (das 7h às 10h e das 17h às 20h) e no dia da sua restrição paga multa e quatro pontos na carteira de habilitação.

Desde sua implantação o rodízio é questionado a sua eficácia quanto ao congestionamento e também quanto à melhoria da qualidade do ar, mas quanto a estes últimos estudos comprovam que há uma melhoria sim.

Quanto ao novo rodízio de SP que será colocado em prática em março ou abril, vai ampliar a restrição de veículos não somente no centro expandido como também para as principais avenidas que ligam a periferia ao centro da cidade, sendo ao todo 371 km de vias onde não será permitida a circulação no horário acima definido. Serão incluídas nesta restrição avenidas como Aricanduva (zona leste), Eliseu de Almeida (oeste), Inajar de Souza (norte), Washington Luís (sul) e outras vias da Radial Leste e o corredor norte-sul. Mais no link é possível ver outras vias m que haverá restrição novo rodízio.  O objetivo é melhorar cada vez mais a circulação, inclusive na periferia. A seguir confira o mapa do novo rodízio de SP e as principais avenidas do rodízio de São Paulo.

Avenidas Novo Rodízio SP

A ampliação do Rodízio em SP vai incluir diversas avenidas, as principais listamos abaixo:

Zona Sul

Avenida João Dias
Avenida Washington Luís
Avenida Interlagos
Avenida Roberto Marinho
Avenida Roque Petroni Júnior
Avenida Atlântica (Antiga Robert Kennedy)
Avenida Senador Teotônio Vilela

Zona Norte

Avenida General Ataliba Leonel
Avenida General Edgar Facó
Avenida Brás Leme
Avenida Inajar de Souza
Avenida Engenheiro Caetano Álvares

Zona Oeste

Avenida Escola Politécnica
Avenida Eliseu de Almeida
Avenida Lineu de Paula Machado
Avenida Jorge João Saad
Avenida Francisco Morato

Zona Leste

Avenida Jacu Pêssego
Avenida Águia de Haia
Radial Leste
Avenida Aricanduva
Avenida São Miguel

Mapa Novo Rodízio SP

mapa novo rodizio sp Novo Rodízio SP   Mapa, Avenidas

 

Lista de Vias Novo Rodízio SP

Segundo a CET essa lista abaixo é uma listagem pré eliminar das vias que poderão ser incluídas quando o novo rodízio vigorar.

1 – Alça de acesso à Ponte Tatuapé entre Rodovia Presidente Dutra e Ponte Tatuapé

2 – Alça de acesso à Avenida Água Espraiada entre a Avenida Washington Luis e Avenida Água Espraiada.

3 – Alça de acesso à Avenida Aricanduva entre a Avenida CD de Frontin e Avenida Aricanduva.

4 – Alça de acesso à Avenida Bandeirantes do Sul entre Rodovia Presidente Dutra e Avenida Bandeirantes do Sul.

5 – Alça de acesso à Avenida Condessa Elisabeth Rubiano entre Avenida Condessa Elisabeth de Robiano e Avenida Airton Pretini.

6 – Alça de acesso à Avenida das Nações Unidas entre o Viaduto Sônia Maria de Moraes A. Jones e a Avenida das Nações Unidas.

7 – Alça de acesso à Avenida dos Bandeirantes entre a Avenida Santo Amaro e a Avenida dos Bandeirantes.

8 – Alça de acesso à Avenida Engenheiro Armando de Arruda Pereira, entre o Viaduto Jabaquara e a Avenida Engenheiro Armando de Arruda Pereira.

9 – Alça de acesso à Avenida Gabriela Mistral entre a Avenida Condessa Elisabath de Robiano e a Avenida Gabriela Mistral.

10 – Alça de acesso à Avenida Guido Caloi entre o Viaduto Frederico Eduardo Mayr e a Avenida Guido Caloi.

11 – Avenida Adolfo Pinheiro entre a Rua Bela Vista e a Rua São Sebastião.

12 – Avenida Afrânio Peixoto entre a Rua Alvarenga e a Praça Vicente Rodrigues.

13 – Rua Dr. Alarico Silveira entre o Viaduto Engenheiro Alberto Badra e a Avenida Aricanduva.

14 – Rua Almirante Alberto Moutinho em toda a sua extensão.

15 – Avenida Alcântara Machado em toda a sua extensão.

16 – Avenida Alcides Sangirardi entre a Rua São Bonifácio e a Avenida Madalhães de Castro.

17 – Rua Comen Alfaia Rodrigues entre a Avenida Vereador João de Luca e a Rua Juan de la Cruz.

18 – Avenida Álvaro Machado Pedrosa entre a Avenida Tucuruvi e a Avenida Luiz Dumont Villares.

19 – Avenida Amador Bueno da Veiga até a Avenida São Miguel.

20 – Avenida Santo Amaro entre a Avenida João Dias e o Viaduto Santo Amaro.

21 – Praça Professor Américo de Moura em toda a sua extensão.

22 – Via Anchieta até a Rua Américo Samarone.

23 – Via Anhanguera até a Ponte Attílio Fontana.

24 – Avenida Antonio Estevão de Carvalho entre a Avenida Dr. Bernardinho Brito F. de Carvalho e a Rua Dr. Luiz Ayres.

25 – Avenida Nadir Dias de Figueiredo entre a Avenida Guilherme Cotching e a Avenida Morvan Dias de Figueiredo.

26 – Praça Fuad Elias Nauphal em toda a sua extensão.

27 – Rua Araritaguaba em toda a sua extensão.

28 – Rua Ari Aps entre a Avenida Mal Fiuza de Castro e a Rua Augusto Farinha.

29 – Avenida Aricanduva em toda a sua extensão.

30 – Avenida Engenheiro Armando de Arruda Pereira a partir da Rua Guatapara.

31 – Rua Dr. Assis Ribeiro entre a Avenida Gabriela Mistral e a Rua Frei Fidelis Mota.

32 – Avenida GAL Ataliba Leonel entre a Rua Voluntários da Pátria e a Avenida Luiz Dumont Villares.

33 – Avenida Robert Kennedy entre a Ponte do Socorro e a Avenida Senador Teotônio Vilela.

34 – Rua Augusto Farinha em toda a sua extensão.

35 – Rua Augusto Tolle entre a Avenida Engenheiro Caetano Álvares e a Rua Mariquinha Viana.

36 – Rua Azem Abdalla Azem entre a Rodovia Raposo Tavares e a Avenida Mninistro Laudo Ferreira de Camargo.

37 – Praça Batista Botelho em toda a sua extensão.

38 – Avenida Bolonha entre a Praça Henrique Dumont Vilares e a Avenida Kenkiti Simimoto.

39 – Avenida Dr. Mario Vilas Boas Rodrigues entre a Rua Bento Branco de Andrade Filho e a Praça Fuad Elias Nauphal.

40 – Avenida Braz Leme entre a Ponte da Casa Verde e a Rua Voluntários da Pátria.

41 – Avenida Inajar de Souza entre a Avenida Córrego CabuÇU DE bAIXo e Avenida Nossa Senhora do Ó.

42 – Avenida Engenheiro Caetano Álvares entre a Avenida Otaviano Alves de Lima e a Rua Voluntários da Pátria.

43 – Avenida Mal Fiuza de Castro entre a Rua Ari Aps e a Rodovia Raposo Tavares.

44 – Avenida Zaki Narchi entre a Avenida Cruzeiro do Sul e a Avenida General Ataliba Leonel.

45 – Avenida Presidente Castelo Branco em toda a sua extensão.

46 – Avenida Caxingu entre a Avenida Eliseu de Almeira e a Rua Camargo.

47 – Rua Circo Soares de Almeida entre a Rua Coronel Guilherme Rocha e a Alameda Ssard Assad Feres.

48 – Avenida Corifeu de Azevedo Marques entre a Avenida Vital Brasil e a Rua Candomba.

49 – Avenida Cruzeiro do Sul entre a Ponte Cruzeiro do Sul e a Rua Conselheiro Saraiva.

50 – Avenida Cupecê entre a Avenida Marari e a Avenida Senador Vitorino Freire.

51 – Rua Cunhatais entre a Avenida das Magnólias e a Avenida Alcides Sangirardi.

52 – Avenida Dr. Custódio de Lima entre uma rua sem denominação e a Avenida São Miguel.

53 – Avenida Almirante Delamare entre a Rua Silva Bueno e a Avenida Marginal (SAC).

54 – Avenida General Edgar Faco entre a Ponte do Piqueri e a Avenida Fuad Lutfalla.

55 – Praça Divinolândia entre a Avenida Antônio Estevão de Carvalho e a Avenida Antônio Estevão de Carvalho.

56 – Avenida Professor Edgar Santos entre a Avenida Itaquera e a Avenisa Sousa Bandeira.

57 – Rua Edmundo Carvalho entre a Rua Rolando e a Avenida Marginal Esquerda Anchieta.

58 – Avenida das Nações Unidas entre a Avenida Interlagos e a Avenida dos Bandeirantes.

59 – Trecho entre o acesso à Avenida Condessa Elisabeth Rubiano e a Avenida Condessa Elisabeth de Robiano.

60 – Avenida Condessa Elisabeth de Robiano entre a Ponte Tatuapé e o Viaduto dos Nordestinos.

61 – Rua Enotria entre a Avenida Dr. Antônio Maria Laet e a Avenida Dr. Antônio Maria Laet.

62 – Trecho entre a Avenida Nadir Dias de Figueiredo e a Avenida Nadir Dias de Figueiredo.

63 – Avenida do Estado a partir da Avenida Dr. Francisco Mesquita.

64 – Avenida do Estado a partir da Rua São Raimundo.

65 – Rua Santa Eulália entre a Avenida Santos Dumont e a Avenida Cruzeiro do Sul.

66 – Avenida Eusébio Matoso entre a Avenida Lineu de Paula Machado e a Ponte Eusébio Matoso.

67 – Avenida Reg. Feijó entre a Avenida Vereador Abel Ferreira e a Avenida Dr. Eduardo Cotching.

68 – Rodovia Fernão Dias a partir do Viaduro da Vila Galvão.

69 – Rua Frei Fidelis Mota entre a Rua Dr. Assis Ribeiro e a Rua Maciel Viana.

70 – Rua Frei Fidelis Mota entre a Rua Maciel Viana e a Rua São Bertoldo.

71 – Rua Frei Fidelis Mota entre a Rua Maciel Viana e a Avenida Jacu-Pêssego/N. Trabalhadores.

72 -Trecho entre a Avenida General Pedro Leon Schneider e a Avenida Santos Dumont.

73 – Rua José Cerqueira Bastos entre a Rodovia Raposo Tavares e a Rua Dominique Lagru.

74 – Praça Dom Francisco de Sousa entre a Avenida Vitor Manzini e a Avenida Washington Luís.

75 – Avenida Dr. Francisco Mesquita entre o Viaduto Grande São Paulo e a Avenida do Estado.

76 – Avenida Dr. Francisco Mesquita entre a Rua Industrial e o Viaduto Grande São Paulo.

77 – Trecho entre a Ponte Júlio de Mesquita Neto e a Avenida Otaviano Alves de Lima.

78 – Avenida Professor Francisco Morato até a Praça Jorge de Lima.

79 – Avenida Professor Francisco Morato entre a Praça Jorge de Lima e a Rua Dr. Euryclides de Jesus Zerbini.

80 – Avenida Cd. de Frontin entre a Rua Antônio de Barros e a Avenida Dr. Bernardino Brito F. de Carvalho.

81 – Avenida Cd. de Frontin entre a Avenida Antônio Estevão de Carvalho e o acesso à via Elevada Aricanduva.

82 – Avenida Cd. de Frontin entre o acesso à via Elevada Aricanduva e a Rua Antônio de Barros.

83 – Avenida Gabriela Mistral em toda a sua extensão.

84 – Trecho entre a Rua Coronel Bento Bicudo e a Avenida Otaviano Alves de Lima.

85 – Avenida Guarapiranga entre a Ponte do Socorro e a Avenida Marginal (V. Socorro)

86 – Estrada de Guarapiranga entre a Estrada de M’Boi Mirim e a Ponte do Guarapiranga.

87 – Avenida Guilherme Cotching entre a Ponte Presidente Jânio Quadros e a Rua Araritaguaba.

88 – Avenida Regueb Chohfi entre a Rua Almirante Alberto Moutinho e a Rua Domingos de Mendonça.

89 – Estrada do Imperador entre a Avenida Águia de Haia e a Avenida Pires do Rio.

90 – Avenida Interlagos entre a Avenida Professor Papini e a Praça Moscou.

91 – Avenida Interlagos entre a Praça Moscou e a Ponte Jurubatuba.

92 – Avenida Interlagos entre a Ponte Jurubatuba e a Avenida Washington Luís.

93 – Estrada de Itapecerica entre a Avenida Carlos Caldeira Filho e a Avenida João Dias.

94 – Avenida Itaquera entre a Avenida Aricanduva e a Avenida Líder.

95 – Avenida Adélia Chohfi entre a Avenida Nossa Senhora do Desterro e a Rua Almirante Alberto Moutinho.

96 – Avenida Jaguaré entre a Praça César Washington Alves de Proença e Ponte Jaguaré.

97 – Avenida do Jangadeiro entre Praça Moscou e a Avenida Senador Teotônio Vilela.

98 – Avenida Professor João Batista Conti entre a Rua Sabbado D’Ãngelo e a Avenida Nagib Farah Maluf.

99 – Avenida João Dias entre a Estrada de Itapecerica e o Viaduto Sônia Maria de Moraes A. Jones.

100 – Avenida João Dias entre a Avenida Santo Amaro e a Rua Nova de Julho.

101 – Avenida João Dias entre a Rua Manuel Pereira Guimarães e a Ponte João Dias.

102 – Avenida João Dias entre o Viaduto Honestino Monteiro Guimarães e a Rua Manoel Carneiro.

103 – Avenida João Pedro Cardoso entre a Avenida Dr. Lino de Moraes Leme e a Praça Olga Simon Poyares.

104 – Avenida Joaquina Ramalho entre a Praça Stelio Machado Loureiro e a Rua Maria Candida.

105 – Praça Jorge de Lima em toda a sua extensão.

106 – Avenida Vereador José Dinis entre o Viaduto Vereador José Diniz e a Rua Dom Manuel.

107 – Avenida Vereador José Diniz entre o Viaduto Vereador José Diniz e a Rua Domingos Lopes.

108 – Rua Jujiu em toda a sua extensão.

109 – Avenida Kenkiti Simomoto entre a Avenida José Maria da Silva e a Avenida Escola Politécnica.

110 – Avenida Tenente Laudelino Ferreira do Amaral entre a Avenida dos Guris e a Avenida São Miguel.

111 – Avenida Ministro Laudo Ferreira de Camargo entre a Rua Azem Abdalla Azem e a Rua Augusto Farinha.

112 – Avenida Líder entre a Rua Serra das Divisões e a Avenida Itaquera.

113 – Avenida Lineu de Paula Machado entre a Praça Jorge de Lima e a Praça Professor Américo de Moura.

114 – Rua Dr. Luiz Ayres entre a Avenida Antônio Estevão de Carvalho e a Rua Abel Valente.

115 – Avenida Engenheiro Luiz Carlos Berrini em toda a sua extensão.

116 – Estrada M’Boi Mirim entre a Rua Agamenon Pereira da Silva e a Estrada de Guarapiranga.

117 – Rua dos Machados entre a Praça Stelio Machado Loureiro e a Ponte da Vila Guilherme.

118 – Avenida Magalhães de Castro até a Marginal do Rio Pinheiros.

119 – Avenida das Magnólias entre a Rua Dr. Licínio Hoeppner Dutra.

120 – Marginal do Rio Pinheiros entre a Ponte do Morumbi e a Ponte João Dias.

121 – Avenida Marginal Direita Anchieta a partir da Via Anchieta.

122 – Avenida Marginal Esquerda Anchieta até a Rua Edmundo Carvalho.

123 – Rua Miguel Yunes em toda a sua extensão.

124 – Rua Manuel Pereira da Silva entre a Rua Baltar e a Rua Industrial.

125 – Rua Inácio Luís da Costa entre a Avenida Otaviano Alves de Lima e a Rua Joaquim Oliveira Freitas.

126 – Avenida Chafariz das Saracuras entre a Alameda Ssarg Assad Feres e a Rua Soldado João Pereira da Silva.

127 – Avenida Chafariz das Saracuras entre a Rua Soldado João Pereira da Silva e a Rodovia Presidente Dutra.

128 – Avenida Bandeirantes do Sul entre a Rua Cabo João Fagundes Machado e Rua Gávea.

129 – Avenida Comendador Martinelli entre a Ponte Freguesia do Ó e a Avenida Nossa Senhora do Ó.

130 – Avenida São Miguel a partir da Avenida Amador Bueno da Veiga.

131 – Avenida São Miguel até a Rua Humberto Romani.

132 – Estrada de Mogi das Cruzes entre a Rua Conceição de Brejaúba e a Avenida Águia de Haia.

134 – Praça Monte Castelo entre a Rua Gaspar Moreira e a Rua Coronel Palimércio de Resende.

135 – Avenida Morvan Dias de Figueiredo até Ponte Tatuapé.

136 – Avenida Escola Politécnica entre a Avenida Luciano Laurana e a Avenida Corifeu de Azevedo Marques.

137 – Avenida Escola Politécnica entre a Avenida Corifeu de Azevedo Marques e a Avenida Engenheiro Billings.

138 – Avenida Nossa Senhora do Sabará entre a Avenida Washington Luís e a Avenida Emérico Richter.

139 – Avenida Ordem e Progresso entre a Praça Del. Amoroso Neto e a Ponte do Limão.

140 – Avenida Otaviano Alves de Lima em toda a sua extensão.

141 – Avenida Professor Papini entre a Avenida Robert Kennedy e a Praça Batista Botelho.

142 – Rua Paranabi entre a Avenida Dr. Antônio Maria Laet e a Rua Paulo de Faria.

143 – Avenida Senador Teotônio Vilela entre a Estrada de Parelheiros e a Praça Pero Rodrigues.

144 – Avenida Senador Teotônio Vilela entre a Praça Pero Rodrigues e a Avenida Interlagos.

145 – Rua Paulo de Faria entre a Rua dos Ferroviários e a Avenida Tucuruvi.

146 – Avenida Pedro Bueno entre Praça Olga Simon Poyares e Avenida Engenheiro Armando de Arruda Pereira.

147 – Avenida General Pedro Leon Schneider entre a Avenida Santos Dumont e a Rua Voluntários da Pátria.

148 – Estrada do Pessego entre a Avenida Jacu-Pêssego/N. Trabalhadores e a Rua Zituo Karasawa.

149 – Rua Juan de La Cruz entre a Rua Frederico Albuquerque e Rua Professor Azevedo Antunes.

150 – Avenida Eliseu de Almeida entre a Rua Sebastião Fernandes de Sousa e Rua Tiapira.

151 – Rua da Patra entre a Avenida Professor Vicente Rao e o Viaduto Vereador José Diniz.

152 – Rua Flores do Campo entre a Avenida Dr. Lino de Moraes Leme e a Rua Alsácia.

153 – Rua São Raimundo entre a Rua Cirilo e a Rua Baltar.

154 – Avenida Raimundo Pereira de Magalhães entre a Rua Antônio Pais de Sande e a Avenida Paula Ferreira.

155 – Avenida Raimundo Pereira de Magalhães entre a Rua Carlos da Cunha Mattos e a Rua Coronel Bento Bicudo.

156 – Rodovia Raposo Tavares entre a Rua Joaquim Lapas Veiga e a Avenida Caxingui.

157 – Rua Reação entre a Avenida Caxingui e a Rua Alvarenga.

158 – Rua Rhone a partir da Avenida Sapopemba.

159 – Praça Pero Rodrigues entre uma rua sem denominação e a Avenida Senador Teotônio Vilela.

160 – Avenida Rio das Pedras entre a Avenida Aricanduva e a Avenida Mateo Bei.

161 – Rua São Sabino entre a Avenida Sapopemba e a Avenida Sapopemba.

162 – Rua Sanches de Aguiar entre a Rua do Orfanato e a Avenida Salim Farah Maluf.

163 – Avenida Santos Dumont entre a Praça Heróis da Força Expedicionária Brasileira e a Praça Campo de Bagatelle.

164 – Rua Sapetuba até a Avenida Professor Francisco Morato.

165 – Avenida Sapopemba a partir da Rua Francisco Manuel Beranger.

166 – Trecho entre a Rua Blasco Ibanez e a Avenida Senador Teotônio Vilela.

167 – Rua Engenheiro Oscar Americano entre a Avenida Morumbi e a Praça Professor Américo de Moura.

168 – Avenida Serafim Gonçalves Pereira entre a Avenida Morvan Dias de Figueiredo e a Praça Novo Mundo.

169 – Rua Silveira Nóbrega entre a Rua São Bertoldo e a Avenida Dr. Custódio de Lima.

170 – Avenida Pirajussara entre a Rua José Pedro da Silva e a Rua Sebastião Fernandes de Sousa.

171 – Avenida dos Tapurás entre a Praça Professor Américo de Moura e a Ponte Engenheiro Roberto Rossi Zuccolo.

172 – Rua Comite Taylor entre a Avenida Almirante Delamare e a Rua Manifesto.

173 – Rua Texas entre a Rua Francisco Michaluate e a Avenida dos Bandeirantes.

174 – Avenida dos Bandeirantes em toda a sua extensão.

175 – Lardo Treze de Maio até a Avenida Adolfo Pinheiro.

176 – Avenida Tucuruvi entre a Praça Arq. Flávio Império e a Avenida Álvaro Machado Pedrosa.

177 – Rua Miguel Casagrande entre a Avenida Comen. Martinelli e a Avenida Otaviano Alves de Lima.

178 – Avenida Valentim Gentil entre a Avenida Magalhães de Castro e a Praça Vicente Rodrigues.

179 – Praça Vicente Rodrigues em toda a sua extensão.

180 – Ponte da Vila Guilherme a partir da Rua da Coroa.

181 – Avenida Vital Brasil entre a Avenida Corifeu de Azevedo Marques e a Praça Jorge de Lima.

182 – Avenida Vitor Manzini entre a Ponte do Socorro e a Praça Dom Francisco de Sousa.

183 – Avenida Valdemar Ferreira entre a Praça Vicente Rodrigues e a Praça Jorge de Lima.

184 – Avenida Washington Luís até o Viaduto Washington Luís.

185 – Avenida Washington Luís a partir do Viaduto Washington Luís.

186 – Praça Aírton de Abreu entre a Rua Marechal Leitão de Carvalho e a Avenida Assis Chateaubriand.

187 – Rua Coronel Guilherme Rocha entre o acesso à rodovia Presidente Dutra e a Rua Ciro Soares de Almeida.

188 – Avenida Ribeirão Jacu entre a Estrada do Imperador e a Avenida Jacu-Pêssego/N. Trabalhador.

189 – Avenida Águia de Haia entre a Rua Dr. Luiz Ayres e Avenida São Miguel.

190 – Avenida Dr. Antônio Maria Laet entre a Avenida Tucuruvi e a Rua Enotria.

191 – Avenida Roque Petroni Júnior a partir da Avenida Santo Amaro.

192 – Avenida Jorge João Saad entre a Avenida Professor Francisco Morato e a Praça Roberto Gomes Pedrosa.

193 – Praça Campo de Bagatelle em toda a sua extensão.

194 – Avenida Dr. Frederico M. da Costa Carvalho entre a Avenida Professor Luiz Ignácio Anhaia Mello e a Avenida Sapopemba.

195 – Avenida Dr. Eurípedes Pereira entre a Avenida Ellis Maas e a Estrada de Itapecerica.

196 – Praça Stelio Machado Loureiro em toda a sua extensão.

197 – Avenida Professor Luiz Ignácio Anhaia Mello até a Avenida Dr. Frederico M. da Costa Carvalho.

198 – Avenida Luciano Laurana entre a Rua Joaquim Lapas Veiga e a Rua Dominique Lagru.

199 – Rua Capitão Manoel de Freitas Novaes entre a Rua Tojil e a Avenida Interlagos.

200 – Viaduto João Julião da Costa Aguiar entre a Avenida Moreira Guimarães e a Avenida Washington Luís.

201 – Rodovia dos Imigrantes entre a Avenida Prof. Abraão de Morais e a Rua dos Etruscos.

202 – Ponte Aricanduva entre a Avenida Airton Pretini e uma avenida sem denominação.

203 – Avenida Professor Vicente Rao entre a Avenida Roque Petroni Júnior e a Avenida Vereador João de Luca.

204 – Rodovia Presidente Dutra entre a Rua Matias Ferrão e o acesso à Rodovia Presidente Dutra.

205 – Rodovia Presidente Dutra entre a Ponte Presidente Dutra e a Rua Soldado Arnoldo Cândido Raulino.

206 – Avenida Rogério Alves de Toledo entre a Avenida Condessa Elisabeth de Robiano e a Avenida Condessa Elisabeth de Robiano.

207 – Ponte Presidente Jânio Quadros até a Avenida Guilherme Cotching.

208 – Rua Izidoro Matheus entre a Rodovia Presidente Dutra e a Avenida Guilherme Cotching.

209 – Acesso sem denominação entre o acesso à Rodovia Presidente Dutra e a Rodovia Presidente Dutra.

210 – Rua Antônio Patrício entre a Rua Pascoal Giampaoli e a Rua Leonor F. Costa Zacharias.

211 – Rua Flávio Cavalcanti entre a Rua da Coroa e a Rua Doze de Setembro.

212 – Avenida Olavo Fontoura a partir da Praça Campo de Bagatelle.

213 – Avenida Fuad Lutfalla entre a Avenida Elísio Teixeira Leite e a Avenida General Edgar Faco.

214 – Acesso à Avenida Morvan Dias de Figueiredo entre a Avenida Morvan Dias de Figueiredo e a Ponte Cruzeiro do Sul.

215 – Ponte das Bandeiras até a Avenida Santos Dumont.

216 – Ponte Cruzeiro do Sul até a Avenida Cruzeiro do Sul.

217 – Rua Carmópolis de Minas entre a Rua Gávea e a Rua Matias Ferrão.

218 – Acesso à Avenida Otaviano Alves de Lima entre a Avenida Otaviano Alves de Lima e a Ponte do Piqueri.

219 – Acesso à Ponte do Piqueri entre a Avenida General Edgar Faco e a Avenida Otaviano Alves de Lima.

220 – Rua Benedito Monteiro entre a Avenida General Edgar Faco e a Avenida Otaviano Alves de Lima.

221 – Acesso esquerdo à Avenida Otaviano A. de Lima entre a Avenida Otaviano Alves de Lima e a Avenida General Edgar Faco.

222 – Ponte Atílio Fontana até a Via Anhanguera.

223 – Acesso sem dedominação entre a Via Anhanguera e a Avenida Otaviano Alves de Lima.

224 – Rua Manoel Monteiro de Araújo entre a Avenida Cândido Portinari e a Avenida Alexandre Colares.

225 – Avenida Alexandre Colares entre a Rua Manoel Monteiro de Araújo e a Avenida Manoel Domingos Pinto.

226 – Ponte do Piqueri até a Avenida General Edgar Faco.

227 – Rua Afonso Renaldo Gallucci entre a Avenida Olavo Fontoura e a Avenida Braz Leme.

228 – Acesso esquerdo à Avenida Otaviano A. de Lima entre a Avenida Braz Leme e a Avenida Otaviano Alves de Lima.

229 – Acesso esquerdo à Avenida Otaviano A. de Lima entre a Avenida Ordem e Progresso e a Avenida Otaviano Alves de Lima.

230 – Acesso direito à Ponte do Limão entre a Avenida Otaviano Alves de Lima e a Avenida Ordem e Progresso.

231 – Ponte do Limão até a Avenida Ordem e Progresso.

232 – Ponte da Casa Verde até a Avenida Braz Leme.

233 – Rua Rosas de Ouro entre a Avenida Otaviano Alves de Lima e a Avenida Comen. Martinelli.

234 – Ponte Freguesia do Ó até a Avenida Comen. Martinelli.

235 – Acessp esquerdo à Ponte do Limão entre a Ponte do Limão e a Avenida Otaviano Alves de Lima.

236 – Acesso à Via Dutra entre a Rodovia Presidente Dutra e a Ponte Presidente Jânio Quadros.

237 – Acesso à Ponte do Tatuapé entre a Avenida Morvan Dias de Figueiredo e a Ponte Tatuapé.

238 – Acesso à Ponte Freguesia do Ó entre a Avenida Otaviano Alves de Lima e a Avenida Comen. Martinelli.

239 – Acesso à Avenida Otaviano Alves de Lima entre a Avenida Comen. Martinelli e a Avenida Otaviano Alves de Lima.

240 – Acesso direito à Avenida Otaviano Alves entre a Ponte do Limão e a Avenida OtaviANO Alves de Lima.

241 – Acesso à Ponte da Casa Verde entre a Avenida Braz Leme e a Avenida Otaviano Alves de Lima.

242 – Acesso direito à Avenida Otaviano Alves entre a Avenida Braz Leme e a Avenida Olavo Fontoura.

243 – Acesso à Ponte de Vila Maria entre a Avenida Guilherme Cotching e a Rodovia Presidente Dutra.

244 – Acesso à Ponte das Bandeiras entre a Avenida Assis Chateaubriand e a Avenida Santos Dumont.

245 – Acesso à Avenida Morvan D. Figueiredo entre a ponte de Vila Guilherme e a Avenida Morvan Dias de Figueiredo.

246 – Acesso à Ponte de Vila Guilherme entre a Avenida Morvan Dias de Figueiredo e a Ponte da Vila Guilherme.

247 – Rua Embira entre a Estrada de Mogi das Cruzes e a Avenida Amador Bueno da Veiga.

248 – Acesso à Avenida Vereador José Diniz entre a Avenida Professor Vicente Rao e a Avenida Vereador José Diniz.

249 – Acesso ao Viaduto Vereador José Diniz entre a Avenida Prodessor Vicente Rao e o Viaduto Vereador José Diniz.

250 – Acesso à Avenida Vereador José Diniz entre a Avenida Professor Vicente Rao e a Rua dos Brasões.

251 – Viaduto Santo Amaro até a Avenida Santo Amaro.

252 – Acesso à Avenida dos Bandeirantes entre a Avenida Santo Amaro e a Avenida dos Bandeirantes.

253 – Rua Agamenon Pereira da Silva.

254 – Avenida Manoel Domingos Pinto entre a Avenida Alexandre Colares e a Avenida Otaviano Alves de Lima.

255 – Acesso à Avenida das Nações Unidas entre a Avenida das Nações Unidas e o Viaduto Sônia Maria de Moraes A. Jones.

256 – Lardo Los Andes entre a Avenida Dr. Chucri Zaidan e a Avenida Roque Petroni Júnior.

257 – Ponte Engenheiro Roberto Rossi Zuccolo até a Avenida dos Tapurás.

258 – Rua Curumins entre a Avenida Alcides Sangirardi e a Rua Cunhatais.

259 – Avenida Dr. Hugo Beolchi entre a Rua Guatapara e a Rua Arnoldo Baldoíno Welter.

260 – Rua sem denominação entre a Avenida Jacu-Pêssego/N. Trabalhadores e a Avenida Dr. Custódio de Lima.

261 – Ponte Eusébio Matoso em toda a sua extensão.

262 – Avenida Água Espraiada a partir da Avenida das Nações Unidas.

263 – Acesso direito à Avenida Affonso d. Taunay.

264 – Acesso direito à Avenida Abraão de Morais.

265 – Acesso esquerdo à Avenida dos Bandeirantes entre a Rodovia dos Imigrantes e o acesso direito à Avenida Abraão de Morais.

266 – Acesso esquero à Rodovia dos Imigrantes entre o acesso direito à Avenida Affonso D. Taunay e a Rodovia dos Imigrantes.

267 – Acesso à Avenida Engenheiro Armando de A. Pereira entre a Avenida Armando de Arruda Pereira e o Viaduto Jabaquara.

268 – Viaduto dos Bandeirantes entre a Avenida Vereador José Diniz e a Avenida dos Bandeirantes.

269 – Viaduto Washington Luís.

267 – Trecho entre Avenida Washington Luís e a Avenida Professor Vicente Rao.

268 – Ponte do Socorro entre a Avenida Vitor Manzini e a Avenida Robert Kennedy.

269 – Avenida Marginal Projetada em toda a sua extensão.

270 – Praça Nossa Senhora do Perpétuo Socorro em toda a sua extensão.

271 – Rua Dr. Eurico Rangel entre a Avenida dos Bandeirantes e a Rua Dom Manuel.

272 – Rua Jairo Dias Júnior entre a Rua Domingos Lopes e a Avenida dos Bandeirantes.

273 – Estrada de Parelheiros entre a Avenida Senador Teotônio Vilela Duarte e a Rua Duarte Antônio Mourão.

274 – Rua Melo Freire entre o Viaduto Pires do Rio e a Rua Antônio de Barros.

275 – Avenida Vereador João de Luca a partir da Avenida Professor Vicente Rao.

276 – Avenida Emérico Richter entre a Avenida Nossa Senhora do Sabará e a Estrada do Alvarenga.

277 – Acesso à Marginal direita do Rio Tietê entre a ponte Tatuapé e a Avenida Morvan Dias de Figueiredo.

278 – Acesso à Avenida Otaviano A. de Lima entre a Avenida Olavo Fontoura e a Avenida Otaviano Alves de Lima.

279 – Acesso à Avenida Condessa Elisabeth Rubiano entre a Avenida Airton Pretini e a Ponte Aricanduva.

280 – Rua Ulisséia entre a Avenida Engenheiro Luiz Carlos Berrini e a Avenida dos Bandeirantes.

281 – Praça do Cancioneiro entre a Avenida Engenheiro Luiz Carlos Berrini e a Praça Augusto Rademaker Grunewald.

282 – Ponte João Dias em toda a sua extensão.

283 – Ponte do Guarapiranga entre a Avenida Guarapiranga e a Estrada de Guarapiranga.

284 – Ponte Jurubatuba em toda a sua extensão.

285 – Viaduto Jabaquara entre a Avenida Engenheiro Armando de Arruda Pereira e a Avenida Jabaquara.

286 – Viaduto Raimundo Pereira de Magalhães entre a Rua Carlos da Cunha Mattos e a Avenida Paula Ferreira.

287 – Ponte Tatuapé em toda a sua extensão.

288 – Ponte Jaguaré entre a Avenida Jaguaré e a Avenida Queiroz Filho.

289 – Viaduto Vereador José Diniz em toda a sua extensão.

290 – Viaduto Pires do Rio entre Rua Melo Freire e a Avenida Alcântara Machado.

291 – Viaduto da Vila Galvão a partir da Rodovia Fernão Dias.

292 – Avenida Moreira Guimarães em toda a sua extensão.

293 – Avenida Guido Caloi entre a Estrada de Guarapiranga e a Ponte João Dias.

294 – Avenida Luiz Dumont Villares a partir da Avenida General Ataliba Leonel.

295 – Viaduto Engenheiro Alberto Badra entre a Avenida Airton Pretini e a Avenida Aricanduva.

296 – Acesso à Via Elevada Aricanduva entre a Avenida Conde de Frontin e a Rua Aracati.

297 – Acesso à Via Elevada Aricanduva entre a Avenida Conde de Frontin e o Viaduto Alberto Badra.

298 – Rua Francisco Albani em toda a sua extensão.

299 – Avenida Nagib Farah Maluf entre a Avenida Professor João Batista Conti e a Rua Francisco Albani.

300 – Praça Heróis da Força E. Brasileira entre a Avenida Santos Dumont e a Avenida Braz Leme.

301 – Acesso à Ponte Aricanduva até a Avenida Morvan Dias de Figueiredo.

302 – Viaduto General Milton Tavares de Souza em toda a sua extensão.

303 – Praça Alceu Amoroso Lima em toda a sua extensão.

304 – Avenida Dr. Chucri Zaidan entre a Avenida Engenheiro Luiz Carlos Berrini e o Largo Los Andes.

305 – Acesso sem denominação entre a Avenida Conde de Frontin e a Avenida Aricanduva.

306 – Via Parque entre o acesso à Avenida Gabriela Mistral e o Viaduti dos Nordestinos.

307 – Avenida Adutora do Rio Claro a partir da Avenida Sapopemba.

308 – Praça Arq. Flávio Império entre a Avenida Luiz Dumont Villares e a Avenida Tucuruvi.

309 – Avenida Deputado Jacob Salvador Zveibil entre a Avenida Professor Francisco Morato e a Avenida Eliseu de Almeida.

310 – Acesso à Avenida João Dias.

311 – Avenida Vereador Abel Ferreira entre a Rua Pedro Domingues e a Avenida Renata.

312 – Praça Olga Simon Poyares em toda a sua extensão.

313 – Avenida Governador Carvalho Pinto entre o Viaduto General Milton Tavares de Souza e a Avenida do Córrego Franquinho.

314 – Avenida Airton Pretini entre a Ponte Aricanduva e o Viaduto Engenheiro Alberto Badra.

315 – Praça Frei Albino Aresi entre a Avenida Amador Bueno da Veiga e a Avenida São Miguel.

316 – Avenida Dr. Bernardino Brito F. De Carvalho entre a Avenida Conde de Frontin e Avenida Sousa Bandeira.

317 – Ponte Transamérica a partir da Avenida Guido Caloi.

318 – Viaduto Honestino Monteiro Guimarães entre a Ponte João Dias e a Avenida João Dias.

319 – Viaduto Sônia Maria de Moraes A. Jones entre a Avenida João Dias e a Ponte João Dias.

320 – Rua sem denominação entre uma avenida sem denominação e o Viaduto General Milton Tavares de Souza.

321 – Rua sem denominação até a Rua da Banduíra.

322 – Avenida sem nome a partir da Avenida Morvan Dias de Figueiredo.

323 – Trecho a partir da Praça Jorde de Lima.

324 – Avenida Carlos Caldeira Filho a partir da Estrada de Itapecerica.

325 – Rua Dr. Euryclides de Jesus Zerbini entre a Avenida Lineu de Paula Machado e a Avenida Valdemar Ferreira.

326 – Rua Presidente Jânio Quadros em toda a sua extensão.

327 – Rua Sebastião Camargo a partir da Rua Dr. Licinio Hoeppner Dutra.

328 – Praça Hussam Eddine Hariri a partir da Avenida Washington Luís.

329 – Avenida Jacu-Pêssego entre a Avenida Aricanduva e a Avenida Ragueb Chohfi.

330 – Avenida Jacu-Pêssego até a Rua Frei Fidelis Mota.

331 – Avenida Jacu-Pêssego entre a Rua Itambé e a Avenida Jacu-Pêssego.

332 – Rua Senador Antônio E. de Barros Filho a partir da Avenida Professor Luiz Ignácio Anhaia Mello.

333 – Ponte Júlio de Mesquita Neto até a Rua Jacofer.

334 – Rua Escola de Engenharia Mackenzie a partir da Via Anchieta.

335 – Rua Guapurunda entre a Avenida Jacu-Pêssego/N. Trabalhadores e a Rua Rainha-da-noite.

336 – Rua Ferreira de Abreu entre a Avenida Sapopemba e a Avenida Professor Luiz Ignácio Anhaia Mello.

337 – Avenida Afonso de Sampaio e Sousa entre a Avenida Aricanduva e a Rua Harry Danhenberg.

338 – Rua Blasco Ibanez entre a Avenida Senador Teotônio Vilela e a Rua Blasco Ibanez.

339 – Avenida dos Guris até a Avenida Tenente Laudelino Ferreira do Amaral.

340 – Rua sem denominação na Penha a partir do acesso à Avenida Condessa Elisabeth Rubiano.

341 – Praça Moscou em toda a sua extensão.

342 – Avenida Musgo-de-flor entre a Rua Rainha-da-noite e a Estrada do Imperador.

343 – Rua da Banduira entre uma rua sem denominação e a Avenida Morvan Dias de Figueiredo.

344 – Acesso à Ponte João Dias entre a Avenida Guido Caloi e o Acesso à Avenida João Dias.

345 – Viaduto Frederico Eduardo Mayr entre a Avenida João Dias e o acesso à Avenida Guido Caloi.

346 – Acesso à Avenida Guido Caloi entre o Viaduto Frederico Eduardo Mayr e a Avenida Guido Caloi.

347 – Acesso à Marginal do Rio Pinheiros entre a Ponte João Dias e a Marginal do Rio Pinheiros.

348 – Toda a extensão da pista local da Rodovia Fernão Dias.

349 – Alça de acesso à ponte Tatuapé entre acesso à ponte Tatuapé e Rodovia Presidente Dutra.

350 – Acesso à Rodovia Presidente Dutra.

351 – Acesso à Rodovia Presidente Dutra.

352 – Acesso à Avenida Bandeirantes do Sul entre a Rodovia Presidente Dutra e a Avenida Bandeirantes do Sul.

353 – Rua Paulo Lorenzani a partir de uma Avenida sem denominação.

354 – Rua Giuseppe Marino entre a Rua Paulo Lorenzani e o Viaduto General Milton Tavares de Souza.

355 – Acesso à Avenida Gabriela Mistral.

356 – Ponte Nova do Morumbi entre o Acesso à Ponte Nova do Morumbi e a Avenida Roque Petroni Júnior.

357 – Acesso à Avenida Arianduva entre a Avenida Conde de Frontin e a Rua Alf Frazão.

358 – Acesso à Avenida Conde de Frontin entre o acesso sem denominação e a Avenida Conde de Frontin.

359 – Acesso à Avenida Salim Farah Maluf entre a Rua Melo Freire e a Avenida Salim Farah Maluf.

360 – Acesso à Rua Melo Freite entre a Avenida Salim Farah Maluf e a Rua Melo Freire.

361 – Avenida Miguel Ignácio Curi entre o acesso ao Metrô Itaquera e a Avenida do Contorno.

362 – Acesso ao Metrô Itaquera entre a Rua Dr. Luiz Ayres e a Avenida Miguel Ignácio Curi.

363 – Avenida do Córrego Franquinho entre a Avenida São Miguel e a Avenida Amador Bueno da Veiga.

364 – Praça César Washington Alves de Proença.

365 – Ponte Presidente Dutra (Nova) entre o Acesso sem denominação e a Rodovia Presidente Dutra.

366 – Rodovia Ayrton Senna em toda a sua extensão.

367 – Acesso à Ponte Transamérica entre a Avenida Guido Caloi e a Ponte Transamérica.

368 – Acesso à Avenida Santo Amaro entre a Rua Texas e a Rua Kansas.

369 – Praça Augusto Rademaker Grunewald em toda a sua extensão.

370 – Acesso à Avenida Washington Luís até a Avenida Washington Luís.

371 – Acesso à Avenida Água Espraiada entre a Avenida Washington Luís e a Avenida Água Espraiada.

372 – Avenida Córrego Cabuçu de Baixo entre a Avenida Arquiteto Roberto Aflalo e Avenida General Penha Brasil.

373 – Acesso à Avenida Escola Politécnica entre a Avenida Luciano Lauraba e a Avenida Escola Politécnica.

374 – Viaduto Naor Guelfi entre a Rodovia Raposo Tavares e a Avenida Escola Politécnica.

Postado em AtendimentoComentário (1)

Recibo Vencido de Veículo – Multa

Multa Recibo Vencido de Veículo

Você sabe o que pode acontecer com o
recibo vencido de veículo? Esta é uma documentação em caso de venda de veículo e que normalmente deve ser expedida no ato da compra do veículo e que o vendedor fica obrigado no prazo de até 30 dias fazer o registro de venda de veículo no DETRAN. Mas existem casos não tão incomuns que isto não é feito e o novo proprietário do veículo se surpreende com multas e infrações por infrações que não cometeram (no caso de veículos seminovos).

recibo vencido de veiculo multa Recibo Vencido de Veículo   Multa

Quando este fato acontece, dificilmente se chega ao responsável se já se passou do prazo de registro, mas o proprietário deve ficar atento também no prazo de 30 dias contados da aquisição do veículo de providenciar a transferência do veículo para seu nome e também é obrigado o reconhecimento de firma do proprietário que adquiriu e do vendedor. Na sequência deve comunicar a
venda ao DETRAN anexado cópia deste recibo e somente desta forma, o novo proprietário estará livre de qualquer responsabilidade sobre o veículo anterior a sua venda. Se não fizer todo este processo, pode incorrer em o novo proprietário ter eu pagar multas e até ter pontos em sua carteira referente infrações anteriores.

Outros dados devem ser mostrados no DETRAN no caso de venda de veículo, como a mudança de endereço dos proprietários que fica de responsabilidade do DETRAN e atualizar o cadastro dos veículos e que esta atualização não seja feita apenas no período de renovação da carteira. Esta atualização é muito importante para que toda a comunicação feita entre os órgãos de trânsito e o proprietário do veículo seja feita de maneira satisfatória, inclusive documentações como IPVA e demais tributos. Segundo o Artigo 282 do Código de Trânsito Brasileiro as notificações sobre o veículo ou ao infrator por meio de correio e são devolvidas no caso de desatualização de endereço e o que pode ser prejudicial para o proprietário do veículo percam prazos de recursos se não receberem suas notificações via correio.

Confira também: Como saber se o carro tem multa

Por isso se vai comprar um veículo deve ficar atento sobre o vendedor vai fazer a transferência de propriedade e também o recibo vencido de veículo que vai garantir que o novo proprietário não receberá multas e demais dores de cabeça de proprietário anterior.

Para transferência de propriedade de veículo vai precisar de CRV original do veículo, documento de identificação do proprietário original e cópia. Mais informações consulte a unidade DETRAN SP mais próximo.

Postado em MultasComentários (3)

Alteração de Característica de Veículo

Como fazer Alteração de Característica de Veículo

Muitos aproveitam esta época do ano para resolver as coisas pendentes do ano todo, como regularizar situação de veículo. Você está nesta situação? Precisa regularizar seu veículo ou fazer
alteração de características e não sabe como fazer? Saiba como alterar a característica do veiculo no Detran e os documentos necessários.

alteracao caracteristica veiculo Alteração de Característica de Veículo

Para qualquer tipo de
alteração de característica do veículo em relação às suas características originais de fábrica no que se refere à cor, ao combustível, entre outras características. Para isto é necessário emitir um novo Certificado de Registro de Veículos (CRV). Segundo o artigo 123 do Código de Trânsito Brasileiro será obrigada a expedição de um novo Certificado de Registro de Veículos (CRV) quando for alterada qualquer característica do veículo.

Para fazer esta alteração de característica é necessário autorização do DETRAN antes da realização das mudanças pretendidas e alguns documentos que são: cópia do certificado do Registro de veículo (CRV) cópia do documento de identificação pessoal, nota fiscal do carro (no caso dos veículos 0 km), no caso de veículo de pessoa jurídica, cópia do Contrato Social e do Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) e formulário de solicitação de modificação de veículos em duas vias. Tida esta documentação deverá ser entregue pelo condutor em uma sede da unidade de trânsito de registro de veículo.

As modificações nas características do veículo são somente permitidas àquelas relacionadas às portarias e resoluções presentes nas Portarias 1100/11 e 85/12 DENATRAM e pela resolução 292/319 CONTRAN. Segundo normas do DENATRAN estabelece algumas características que podem ser modificadas como capota em carroceria de veículos que pode ser uma capota removível ou capota fica. Já a norma do CONTRAN que fala de outras características como adaptação de eixo em caminhão, etc.

Em São Paulo, esta parte burocrática de mudar as características dos veículos pode ser feitas em unidades Armênia, Aricanduva ou Interlagos. O procedimento para fazer as alterações das características são as seguintes: levar o veículo para vistoria prévia, depois, dirige-se ao banco para efetuar pagamento de taxa de vistoria; outra vistoria chamada de ofício e da guia de pagamento das taxas; vistoria para solicitação do oficio e da guia para pagamento da taxa; sala de entrega de documentos para receber a autorização de mudanças de características; ir à oficina para executar os serviços; e depois se passa por outra vistoria e finaliza com uma sala de auditoria para conclusão do processo e recebimento dos documentos e depois é concluído o processo. Por isso querendo sanar suas dúvidas procure a unidade do DETRAN mais próxima.

Postado em AtendimentoComentário (1)

Suspensão e Cassação da CNH – Prazo, Pontos

CNH Cassação e Suspensão

Você teve problemas com sua habilitação e teve a
CNH suspensa ou caçada? Saiba mais sobre suspensão e cassação de CNH para saber como acontece e como você pode resolver esse problema para não ficar sem dirigir.

cnh suspensao cassacao Suspensão e Cassação da CNH   Prazo, Pontos

Estas duas penalidades de trânsito tão drásticas – a
suspensão da CNH e cassação da Carteira Nacional de Habilitação acontece segundo resoluções do DENATRAN 182/2005 e tem procedimentos a serem adotados por órgãos executivos de trânsito dos Estados e do Distrito Federal na imposição das penalidades. Estas penalidades são impostas por autoridades de trânsito do órfão responsável pelo registro de habilitação ou permissão, sempre em decisão fundamentada em processo administrativo que seja garantido ao condutor em questão o direito de ampla defesa (que é assegurado inclusive em direito constitucional).

No caso da suspensão da CNH é uma medida administrativa de caráter disciplinar e que vai ocasionar a proibição temporária por prazo temporário de exercer a condução de veículos automotores que é uma medida restritiva de direitos (que muitos recorrem alegando ser uma violação dos direitos constitucionais) que é aplicável no caso de alguns tipos de infrações de trânsito. A suspensão da CNH é decorrente de algumas ações como: se num período de um ano o condutor de veículo sendo reincidente em infrações de trânsito completar vinte pontos na carteira; quando a infração previr a sanção autônoma de suspensão do ato de dirigir. Estas infrações são: dirigir sobre efeito de álcool em níveis superior a seis decigramas por litro de sangue e que corresponde à perda de 7 pontos na carteira e recorrente também penalidade de multa; outra infração que decorre a suspensão da CNH é dirigir ameaçando pedestre, disputar corrida, utilizar-se de veículo em via pública para exibir manobras perigosas, deixar de prestar socorro o condutor a pedestre ou outro motorista, transpor bloqueio viário policial, transitar em velocidade superior à máxima permitida no local em questão, conduzir motocicleta, motoneta e ciclomotor sem capacete ou sem vestuário de segurança ou conduzir de forma perigosa.

Já a cassação da CNH, o condutor que tenha cometido algumas infrações pode ficar dois anos proibido de dirigir e depois deste prazo pode requerer uma reabilitação submetendo-se a exames necessários. Entre as infrações que implicam a cassação da CNH estão: dirigir embriagado (que também pode ocasionar suspensão), promover competição esportiva ou participar, usando veículo, se condenado judicialmente por delito de trânsito, e usar o veículo em manobras perigosas, entre outras ações.

Por isso se estiver nesses casos pode ainda recorrer a ação direto no DETRAN, mas é um processo delicado, onde muitas vezes você terá mesmo que cumprir o prazo de suspensão da CNH.

Postado em CNH, PontosComentários (2)

Mudança de Categoria CNH B C D E – Preço

Mudar Categoria da CNH

Você está tirando carteira de habilitação e tem curiosidade em saber mais sobre as categorias da carteira Nacional de Habilitação (CNH)? Conheça cada uma delas e como fazer para
mudar de categoria de B para C D ou E e saiba o preço para mudar de categoria de CNH.

mudanca categoria cnh Mudança de Categoria CNH B C D E   Preço

Existem cinco tipos de categoria de Carteira Nacional Habilitação (CNH) para motoristas e motociclistas e cada categoria tem como diferencial uma da outra o nível de dificuldade e responsabilidade exigida para cada tipo de veículo.

A categoria A é para os veículos motorizados de duas ou três rodas, com ou sem carro lateral e quando tem carro lateral é chamado de “side car”; já na categoria B são os veículos motorizados que não sejam contemplados na categoria A e que não tenham mais de oito lugares, excluído o espaço do motorista e peso bruto total seja superior a 3,5 mil quilogramas. Já a categoria C condutora de veículo motorizado usado para transporte de carga, com peso bruto superior a 3.500 quilogramas; já a categoria D é para veículo motorizado usado para transporte de pessoas, com lotação superior a oito lugares além do motorista, corresponde aos ônibus e vans, são alguns exemplos deste tipo de veículo; e categoria E, uma combinação de veículos em que a unidade conduzida se enquadre nas categorias B, C ou D e cuja unidade acoplada ou rebocada tenha um peso de seis mil quilos ou mais; já no caso de lotação, nesta categoria seja superior a oito lugares ou ainda que se enquadre na categoria trailer.

Quando for retirar a carteira Nacional de habilitação (CNH) pela primeira vez somente é permitido ar retirado da carteira nas categorias A, B e AB e, no último caso, a pessoa pode participar de dois cursos preparatórios. No caso, da categoria B o condutor pode mudar a categoria para C e D; quem possui na categoria C, pode mudar a categoria para D ou E; e quem possui a CNH na categoria D pode mudar para a categoria E. Mas, para poder mudar, por exemplo, para as categorias C, D ou E o condutor deve estar a pelo mens um ano na categoria anterior exigida, por exemplo, se a pessoa quem mudar para a categoria ser, precisa estar o pelo menos há um ano na categoria B. O preço para fazer a mudança de categoria de CNH varia bastante de acordo com a autoescola, basta pesquisar nas autoescolas de sua preferência.

Para fazer a mudança de categoria o interessado deve procurar uma autoescola ou uma unidade do DETRAN mais próxima e, no caso de mudança de categoria só pode pedir quem já tem carteira nacional de Habilitação há mais de um ano. Por isso, consulte o DETRAN para saber quais documentos e procedimentos necessários exigidos.

Postado em CNHComentário (1)

Placa Preta DETRAN – Como conseguir

Como colocar placa preta em carro no Detran

Você sabe o que corresponde
uma placa preta para o nosso Departamento de Trânsito?  No Brasil há várias categorias de emplacamento de veículos determinado pelo código de trânsito e dentre estas categorias está à placa preta, que é a de “colecionador”, cujas placas recebem modelos e medidas normais, só a cor que tem um diferencial em relação às demais placas mais comuns. Confira a seguir o que é preciso para conseguir placa preta no Detran.

placa preta detran como conseguir Placa Preta DETRAN   Como conseguir

A
placa preta identifica o veículo que é de colecionador conforme a Resolução do CONTRAN n° 56. Se tiver um veículo antigo e pretende regularizar a situação do mesmo, até mesmo se ele está em bom estado e quer circular com ele para eventos e mostras de veículos, a placa preta é ideal para você.

O veículo de placa preta ou de colecionador tem algumas vantagens como: dispensa da inspeção veicular, dispensa de uso de extintor de incêndio, livre trânsito em todo território nacional; dispensa uso de equipamentos obrigatórios homologados posteriormente à fabricação do veículo; classificação do veículo como “veículo de coleção” reconhecendo seu valor histórico. A diferença deste tipo de veículo como veículo de coleção é ser veículo que tem valor histórico com sua própria existência.

Mesmo regulamentado este tipo de veículo por mais perfeito estado que esteja e tenha sido bem restaurado ele não tem a mesma situação que os veículos de circulação, pois nem sempre reunirá todas as condições de segurança dos veículos atuais, pois estes eram fabricados com outro tipo de norma de segurança que nem sempre eram seguras.

Para obter a placa preta no Detran não precisa estar inscrito em nenhum clube de colecionadores de carros antigos, mas é recomendado procurar um clube ou entidade e procurar junto à mesma quais são as exigências em ter uma placa preta no veículo. No caso se querer ser sócios de um clube de colecionadores de carros antigos, eles normalmente tem normas para os sócios, inclusive para verificar a originalidade do veículo. No caso de ser sócio de um clube são emitidos alguns documentos para o proprietário do veículo que são: o Certificado de Originalidade (em duas vias), duas vias de planilhas de avaliação e uma via da Identidade de veículos de coleção.

Entre as providencias necessárias para tirar a placa preta segundo Portaria n°56 do CONTRAN e a de n°127 o seu veículo vai precisar dos seguintes requisitos para conseguir a placa preta: ser proprietário do veículo com mais de 30 anos de fabricação; filiar-se ao clube de veículos antigo autorizado pelo DENATRAN, submeter o veículo a uma vistoria pela comissão técnica deste clube; assinar um termo de responsabilidade e conseguir uma vistoria em que consiga pontuação igual ou superior a 80% nos quesitos de originalidade. Depois o veículo está pronto para conseguir a placa preta no Detran.

Postado em EmplacamentoComentários (3)

Detran SP Busca e Apreensão

Busca e Apreensão Detran SP

Se você mora no estado de São Paulo e deseja saber sobre o serviço de busca e apreensão de veiculo Detran SP saiba como fazer isso sem precisar sair de casa, hoje esse órgão tem disponível em seu site vários e vários serviços online para facilitar e oferecer o melhor atendimento a todos, e como esse serviço ainda é novidade para a maioria das pessoas vamos dar algumas dicas sobre como utilizá-lo e como fazer a consulta de forma correta.

busca e apreensao detran sp Detran SP Busca e Apreensão

A apreensão de veículo no Detran de SP é algo que ocorre todos os dias, acabou virando uma rotina para a equipe do Detran, e esses carros podem ser apreendidos por diversas razoes, e cada um é um, então para saber mais sobre a Busca e Apreensão de veículos do Detran você primeiramente tem que entrar no site a seguir: www.detran.sp.gov.br/wps/portal/detran/cidadao/infracoes.

Nesse site você faz consulta tanto do veiculo como também da apreensão do documento, veja as opções direitinho para você encontrar o que está procurando. O Detran SP Busca e Apreensão deixou esse serviço no site porque assim as pessoas podem consultar e saber como funciona o processo de retirada e quais são os documentos necessários para isso, porque muita gente procura o DETRAN sem saber e acaba perdendo a viagem também. Aproveite então esse novo recurso, que ai você entende melhor o processo para retirada do veiculo, ou se for o caso também do documento.

Agora se o seu problema for a apreensão de documento do veículo por conta de alguma infração ou irregularidade com o veículo, o caso pode ser resolvido com maior facilidade, porém muitas vezes você deverá fazer uma vistoria no carro para conseguir a liberação do documento, confira mais detalhes acessando: Liberação de documento apreendido Detran SP.

Com o serviço de Busca e Apreensão do Detran SP online ficou mais fácil você realizar a sua consulta, e o melhor de tudo é que você não precisa pagar para utilizar, e nem sair de casa, então só trouxe vantagem, e como hoje SP é muito grande o Detran precisava mesmo desses serviços online para ajudar no atendimento das pessoas. Então não deixe de consultar caso ocorrer do seu veiculo ou documento de habilitação for apreendido, assim você se informa de forma correta para saber quais os procedimentos que devem ser tomados a partir dai.

Postado em LiberaçãoComentários (7)

Como saber se o carro tem multa

Saiba se um carro tem multas

Você tem veículo e tem o pressentimento que cometeu alguma multa? Como por exemplo: passou em sinal vermelho, andou um pouco acima da velocidade ou estacionou em local fora do horário permitido? Quer saber previamente se seu carro tem multa? As dicas a seguir são fundamentais inclusive se você está adquirindo um carro seminovo ou usado e quer investigar se o carro em questão tem multas não pagas.  O mesmo vale para outros tipos de veículos como motos. Confira como descobrir se um veículo tem multas de trânsito.

como saber se um carro tem multas Como saber se o carro tem multa

No caso da compra de algum veículo seminovo ou usado, você deve pedir ao vendedor o RENAVAN do veículo, pois vai precisar deste dado para pesquisar o histórico do veículo. Depois, pode entrar em vários sites do DETRAN e consultar sobre o veículo e ver o Estado de origem do veículo para poder entrar no site do DETRAN do Estado em questão. A maioria dos sites do DETRAN já na página inicial tem um campo de consulta. Para isso, você precisa ter cadastro no site em questão, informando seu CPF ou CNPJ (no caso de empresa) e senha (feita no cadastro). Depois, para fazer pesquisas, como ver se carro tem multa, vá em “Pesquisa de débitos e Restrições de veículo” ou algo semelhante. No caso, as multas que podem aparecer são provenientes do DETRAN, Polícia Rodoviária Federal, DER, Dersa e do município de onde o veículo é e de outros municípios conveniados. Isso também é válido para o Detran de SP.

Entre as infrações mais comuns que podem surgir no veículo que são as mais comuns são: as multas por excesso de velocidade, desrespeito ao sinal vermelho; e muitas destas infrações acarretam multas como também pontos na carteira. Por isso, é bom investigar se tem pontos na carteira para não ter outras surpresas desagradáveis além da multa ter pontos na carteira.

Veja: Como consultar Pontos na Carteira

Entre as infrações e pontos na carteira respectiva estão: dirigir com carteira nacional de habilitação ou permissão suspenso, cassado tem multa, apreensão do veículo e 7 pontos na carteira (infração gravíssima), habilitação vencida há mais de um mês, tem multa e 7 pontos na carteira (infração gravíssima); estacionar em lugar proibido como exibido em placas e sinalizações há multa e 4 pontos na carteira (infração média); estacionar veículo em horários proibidos há multa e 5 pontos na carteira (infração grave); avançar sinal vermelho ou sinal de parada obrigatória há multa e 5 pontos na carteira (infração grave). Existe uma infinidade de infrações e para cada uma há pontuação na carteira e também multa. Por isso, se informe no site do DETRAN onde veículo está localizado.

Postado em MultasComentários (6)

Blog Não Oficial

Atenção: Esse blog tem caráter informativo afim de reunir informações úteis, o site oficial do Detran SP você pode acessar no seguinte endereço: www.detran.sp.gov.br. É só com o esforço de todos, somado aos dos órgãos públicos que conseguiremos tornar o nosso trânsito mais humano e seguro. Respeite as leis de trânsito!

Endereço Detran SP

Av. do Estado, 900 - Bom Retiro, São Paulo - SP
Exibir mapa ampliado Google+